Meet The Players: Calmsky

Blog Single

Esta semana vamos conhecer um pouco melhor um dos jogadores do União de Leiria Esports.

Olá a todos, o meu nome é Diogo Sousa, tenho 18 anos e sou conhecido pelo nickname “Calmsky”. Atualmente estou a estudar Engenharia Informática na Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto e jogo como suporte na equipa do União de Leiria Esports.

Olá Diogo. Para começar fala-me um pouco da tua entrada no League of Legends e no seu mundo competitivo.
Eu comecei a jogar League of Legends no início da season 2, mais propriamente no patch em que a Lulu saiu, e isto tudo graças a uns amigos meus que começaram a jogar e acabaram por me convidar. Instantaneamente adorei, e viciei-me no jogo (já era bastante fã deste tipo de jogos na altura). Quanto ao jogar competitivamente, um amigo meu teve bastante interesse em juntar-se a uma equipa no ano passado, e como ele era ad carry e estava à procura de um support, acabei por me juntar a ele por curiosidade, até chegar a este ponto hoje.

Tens algum hobbie fora do league of legends no qual despendas algum do teu tempo?
Se não estou a jogar League, a maior parte das vezes estou a ver anime ou a dar browsing no Reddit/Youtube/Twitch. De vez em quando também gosto de jogar algo diferente.

Alguma curiosidade que achas que seja interessante saber sobre ti?
A única razão de eu ser main support é pelo facto de eu ter odiado jogar com last pick “supports” em soloq (eu fui ad carry main até à season 4).

Se tivesses que te descrever enquanto jogador, que palavras achas que seriam apropriadas?
Provavelmente eu diria passivo e calculista. Apesar de jogar bastante agressivamente na early lane, no geral sou o tipo de jogador que não gosta de fazer plays caso não tenha a certeza que estas vão resultar a seu favor, e por isso acabo por jogar a maior parte das vezes só com champions de backline.

Durante este split jogaste pela primeira vez na Moche LPLOL, representando o União de Leiria. Qual o overall que fazes do split e da prestação da tua equipa?
Gostei bastante de ter a oportunidade de entrar na equipa e de jogar na LPLOL pela primeira vez. Até agora foi uma boa experiência e por um lado arrependo-me de ter demorado tanto tempo a tentar participar em algo competitivo. Ainda não tenho muita experiência neste ambiente, por isso espero melhorar para o próximo split. Quanto à nossa prestação, acho que a mesma foi boa, mas como entrei a meio do split, sinto que nos jogos me faltava um bocado de sinergia com os meus colegas de equipa, mas agora já estou muito melhor nesse aspeto.

Na última semana estiveste também em 1º lugar na “PT Ladder” (uma ladder criada por um ex-jogador da Moche LPLOL, o rLT, que organiza os diversos jogadores portugueses de acordo com o seu elo em soloQ), alcançando assim Challenger. Foi muito difícil para ti atingir este marco?
Não foi nada fácil chegar a esse ponto, mas desde o final da season 7 que tenho investido muito tempo neste jogo, o que já não tinha feito desde a season 4, e acho que o meu investimento tem tido resultados. Ainda tenho bastante que melhorar, mas por agora estou satisfeito. O facto de eu ser one trick é que dificultou o climb um bocado (levei bastante flame/trolling por dar one trick num 'useless' champ, segundo eles).

Como te caracterizas enquanto suporte? Com quais gostas mais de jogar e porquê?
Como support, gosto de ser muito agressivo antes de nivel 6, tento sempre criar uma boa vantagem logo no início para potencialmente dar snowball. Sem contar com isso, gosto mais de jogar com cuidado e esperar por erros dos inimigos em vez de forçar algo. Devido a isto, identifico-me mais com enchanters e em geral só jogo esses champions, especialmente Sona e Janna. Gosto do alto potencial de poke destas early game (o que pode ganhar a lane facilmente) e gosto da transição para um estilo de jogo mais passivo à medida que o jogo continua. Antes também adorava jogar de Q max Soraka mas depois levou nerf

Sei que és muito conhecido pela tua jogabilidade de Sona. Porque é que achas que a comunidade te destaca por esse champion?
Basicamente porque cheguei a challenger esta season em que quase todos os meus jogos foram de Sona (tinha talvez uns 6 ou 7 jogos em champions que não este). Sona também é raramente jogada, porque muita gente considera a Janna e Lulu as deusas de enchanters, e ignoram completamente este champion (até a consideram troll pick), por isso suponho que é uma surpresa ver um one trick Sona a chegar alto.

A tua equipa conseguiu apurar-se para os relegations deste 1º split, e poderá assim ter a chance de subir à primeira divisão. Estão prontos para o desafio? Quais creem que vão ser as vossas maiores dificuldades?
Estamos prontos para o desafio, e temos muita motivação para subir à 1º divisão. Em termos individuais considero que estamos bem, por outro lado, acho que a nível de teamplay será onde poderemos ter alguma dificuldade pois precisamos de melhorar um bocado mais nesse aspeto, mas ainda há tempo até às relegations para nos preparar-mos para isso.

Overall, qual é o teu objetivo para este 2º split?
Ganhar experiência e evoluir como jogador, e claro subir para a 1º divisão.

Alguma mensagem que gostasses de deixar?
Gostaria de agradecer a todos os meus amigos que me encorajaram a tentar jogar League competitivamente.

Para finalizar pedia-te apenas que associasses a primeira ideia que te surgir quando pensas nas palavras seguintes.
Champion Quote: "The darker the night, the brighter the stars."
Champion: Sona
Sobremesa: Mousse de chocolate
Item: Ardent Censer
Filme: "Kimi no Na wa"
SoloQ: Apes
Relegations: Win
Minion: Baron Cannon
2º split: Satisfeito
D ou F: Doublelift

Agradeço ao Calmsky pela sua disponibilidade para responder às nossas questões.

Podes seguir o Calmsky no Twitter.
Podes também apoiar o União de Leiria Esports no Relegations deste 1º split que se vai realizar dia 14 de Abril na Clickfiel Arena.

Share this Post: