BombNuker e RXis analisam os Playoffs do 2º Split

Blog Single

Os tão aguardados Playoffs do 2º Split da LPLOL, onde as melhores equipas de League of Legends do país irão disputar o título de campeão do 2º Split já no próximo dia 20 de novembro na Lisboa Games Week estão cada vez mais perto! As expectativas são muitas e a equipa da LPLOL encontrou-se com Gonçalo "BombNuker" Miguéis e André "RXis" Cruz para ouvir os seus comentários aceca do evento e das equipas que estarão presentes ao vivo! 

BombNuker já conhecemos a LGW e sabemos do trabalho estrondoso e bem-sucedido da edição de 2015, o que é que podemos esperar da edição deste ano?

BombNuker: Podemos esperar equipas com muita vontade de vencer! Acredito que temos tido uma constante evolução ao longo dos anos relativamente à qualidade de League of Legends que temos em Portugal e penso que esta LGW poderá ser a mais aguardada até hoje não só pela qualidade das equipas e jogadores, mas também pelo possível desfalque que a equipa dos K1ck sofreu recentemente e que vem de certa forma apimentar o evento.

Rxis, na tua opinião, em que aspetos a LGW beneficia ao receber os Playoffs da LPLOL em 2016?

RXis: Na minha opinião a LGW beneficia bastante em receber os Playoffs do 2º Split da LPLOL, visto que a LPLOL se tem assumido como a maior liga de League of Legends em Portugal, onde as melhores equipas do país podem mostrar o seu nível semana após semana e portanto acredito que é de facto prestigiante para a LGW receber estes Playoffs do 2º Split, que é talvez é o mais importante e aquele em que as equipas já se encontram mais maduras. Para a LPLOL também é muito bom o facto de poder estar presente num dos maiores eventos de gaming em Portugal, onde muita gente poderá assistir às equipas e jogadores a competirem em Tournament Realm e sentir as emoções de jogo sem qualquer delay. Penso que é uma parceria em que quem sai a ganhar são as equipas, os jogadores e o público, que são quem realmente importa!

Quais são as vossas expectativas relativamente ao evento, a sua enorme dimensão e de que forma vai afetar a projeção da LPLOL?

BombNuker: Tive a oportunidade de estar presente em todas as LGW até hoje como caster e penso que a LGW irá dar uma projeção enorme à liga, que por si só já tem feito um bom trabalho nesse aspeto. A combinação de um evento de grande volume, com um grande número de atividades e marcas presentes em conjunto com os Playoffs do 2º Split da LPLOL, é uma combinação do melhor de cada um dos mundos, em que de um lado vamos ter um grande espetáculo de LoL e do outro uma grande afluência de público, que terá a oportunidade de assistir aos Playoffs, resultando numa oportunidade para se criarem mais fãs e de atrair mais pessoas para o League of Legends em Portugal, mais especificamente para a LPLOL.

RXis: Espero que a parceria seja benéfica para ambas as partes. Para a LPLOL é gratificante fazer parte de um evento como a LGW, pois é o reconhecer de um trabalho que tem vindo a ser desenvolvido nesta segunda edição em que a LPLOL cresceu bastante e acho que é a continuação desse trabalho após os Playoffs do 1º Split no ISMAI Legends e certamente que mais eventos virão pela frente! Espero ver a continuidade da evolução deste trabalho. Durante o evento teremos convidados na analyst desk e muitas pequenas surpresas para quem estiver presente! Claro que também poderão assistir em casa através da RTP Arena, mas os fãs que lá estiverem poderão viver todas as emoções do dia juntamente com os jogadores e isso será muito gratificante. É para os fãs que tudo isto existe e penso que para a LPLOL será uma oportunidade de ouro para esta se assumir como uma grande competição, que tem evoluído dia após dia. Esta será a minha 1ª LGW, e tenho grandes espectativas!

Rxis, a Riot lançou recentemente o novo patch que será jogado pela primeira vez ao vivo na LPLOL nos Playoffs durante a LGW, quais foram as alterações mais relevantes/surpreendentes?

RXis: Os Playoffs serão jogados no novo patch em que muita coisa mudou: tivemos a introdução do rework de vários champions e as equipas com certeza ainda estão a tentar perceber até que ponto esses champions são viáveis no competitivo. Os assassins são as grandes estrelas deste patch, ou deveriam ser, mas o que estamos a ver pelo menos neste momento é um regresso de tanks, que voltam agora bastante fortes, como o Zac que está muito forte com a nova mastery. Acredito que as equipas ainda estão a tentar perceber a meta competitiva e será interessante saber como se irão a adaptar às mudanças, principalmente a equipa dos K1ck, que é a favorita, mas que caso os jogadores não consigam uma boa adaptação a este patch, poderá muito ser muito afetada. Resumindo, apesar de os assassins serem o foco do patch há muito mais por detrás disso e as equipas terão de se adaptar muito rapidamente!

De todas as mudanças quais são as vossas preferidas e quais as que mais vão causar impacto?

BombNuker: Concordo com o RXis em que apesar de este ser um patch com foco nos assassins, o foco dos jogadores tem sido nos tanks, o que se deve muito ao novo tipo de itemização e à nova keystone Courage of the Colossus. Na minha opinião, este não será o momento mais correto para se fazer um torneio neste patch, visto que o patch em si está muito desequilibrado e existem muitas mudanças novas, muita a explorar e muitas arestas a limar. A meu ver essa keystone neste momento está demasiado forte, assim como alguma itemização também poderá estar demasiado forte, ou demasiado barata o que a torna eficiente demais. Acho que foi interessante a atualização de itemização feita em resposta ao update dos assassins, mas quanto aos assassins em si, acho que nem todos estão propriamente mais fortes devido ao patch. Eventualmente alguns estarão mais interessantes, mas eu como jogador de top lane fiquei muito mais animado devido à nova mastery e champions novos que podem aparecer tanto para o top, como para a posição de support, como por exemplo o Alistar, que penso que irá surgir muitas vezes na LGW. Poderemos ver também champions como Skarner e Nautilus na jungle e champions como Graves e Nidalee, que eram muito dependentes do Strengh of Ages para se tornarem um pouco mais tanks e não levarem one shot basicamente já não têm essa opção. O Olaf levou também um pequeno nerf, visto que estava muito dependente dessa keystone para ficar muito tank muito cedo e como não tem nenhum hard CC para dar proc da keystone acaba por ser um pouco prejudicado.

Relativamente ao Fervor of Battle penso que os ADCs que ainda usavam essa keystone vão deixar de a usar de todo, porque a redução de dano e ao tempo durante o qual se mantêm as stacks foi imensa,portanto, acrdito que a partir de agora praticamente todos os ADCs irão usar Warlord’s  Bloodlust. Estas alterações, que permitem a aparição de muitos tanks tanto no top, como na jungle e toda esta toda esta nova itemização para potenciar shields e heals, com items como Forbiden Idol e todas as suas evoluções, foram as mudanças que mais me entusiasmaram e acredito que vão ter um grande impacto já nesta LGW!

RXis: Visto ser o primeiro grande torneio a ser feito com este patch é difícil prever quais mudanças causarão mais impacto e além disso, não sabemos como as equipas se estão a adaptar. No entanto, acredito que o Talon poderá ser uma opção bastante viável depois desta alteração, visto que agora pode fazer parkour e passar pelos muros praticamente sem custo nenhum à exceção algum delay, o que faz com que essa seja uma mecânica muito interessante. Apesar disso, é muito difícil prever as picks que poderão surgir e será uma surpresa também para nós vermos como as equipas se irão adaptar ao novo patch.

BombNuker, com tantas mudanças à  jogabilidade como é que antevês a adaptação das 4 equipas a uma nova meta ainda em fase exploratória?

BombNuker: Cada uma das equipas terá uma adaptação diferente às mudanças, mas penso que de todas a que sairá mais beneficiada será a equipa dos Doxa devido ao facto de que não têm propriamente pressão em cima e não são uma equipa que tem algo a provar. É uma equipa que só pelo facto de ter chegado até esta fase já mostra o valor que uma equipa estreante poderá ter na LPLOL. Já mostraram ser uma equipa a ter em conta e agora que as equipas adversárias, teoricamente mais fortes têm também de fazer uma adaptação ao patch, os Doxa têm a oportunidade de fazerem uma adaptação inteligente e tentarem apanhar alguma falta de experiência das equipas adversárias no patch. Quanto às equipas dos Alientech e For The Win, visto que são equipas que treinam muito tenho a certeza que estarão bem preparadas para competirem neste patch. Por outro lado, a equipa dos K1ck com as alterações que estão a sofrer na mid lane e o facto de não se saber se o Xico poderá ou não jogar na LGW,  poderá perder muito tempo de treino e por isso os K1ck poderão ser apanhados desprevenidos por uma das outras equipas.

Rxis os Doxa conseguiram esta presença quase de forma milagrosa, tendo assim uma chance de somar pontos e talvez uma fatia maior do prémio final, realisticamente o que achas que eles vão trazer a estes Playoffs?

RXis: Os Doxa Gaming com certeza vêm com muita força para estes Playoffs! São a equipa que veio do Relegations, e portanto este é o seu 1º Split e o facto de terem conseguido chegar aos Playoffs é muito bom, ainda mais da forma como o conseguiram. No começo da última jornada parecia que os Doxa lutavam para não terem de disputar os Relegations e acabaram por conseguir chegar aos Playoffs. Acredito que devido ao facto de serem os underdogs poderão trazer muita imprevisibilidade para as partidas que disputarem. Na primeira série irão defrontar uma das melhores equipas em Portugal, a FTW, mas acredito que venham descontraídos, com muita garra, com muita força e vontade de ganhar. A equipa pode ser imprevisível, porque não sabemos que comps poderão trazer e se a equipa se conseguir adaptar rapidamente ao patch isso poderá ser muito bom para eles, pois esse fator poderá jogar a seu favor e causar um grande impacto nos resultados finais.

BombNuker a FTW defronta os Doxa no primeiro jogo, para uma equipa que começou mal o 2º Split, a qualidade dos jogos aumentava a cada jornada, uma vez que têm pela frente talvez o percurso mais ímprobo, que abordagem podemos esperar por parte deste grupo reptante?

BombNuker: A equipa da FTW teve um mau arranque. A FTW começou o 2º Split sem a presença do Kyuuga e muitos dos pontos que perderam no Split foram devido aos resultados do Super Weekend, que os colocou com o défice de pontos que à partida não deveriam ter tido neste Split; o que os obriga agora a terem de disputar o Bo3 frente aos Doxa. Acho que a equipa da FTW tem estado a crescer e é indicativo que a equipa está melhor a nível de sinergia e também está mais unida desde a chegada do Kyuuga, o que aumentou a competitividade geral entre as equipas. No entanto, e apesar de achar que a equipa da FTW parte em vantagem para o confronto mesmo com o fator de adaptação ao patch, os jogadores da FTW não podem subestimar a equipa dos Doxa.

Rxis, o percurso dos Alientech certamente coloca-os numa posição justa e com olhos postos no último jogo da bracket, como achas que o grupo vai entrar no Rift e que possibilidades têm de vir a destruir a ‘’streak’’ dos K1ck?

RXis: Tal como referiste a equipa dos AT vem de uma posição de 2º lugar e portanto terão de esperar por um adversário e apenas precisam de ganhar um Bo3 para chegar à final. Trata-se de uma equipa muito forte, que nas finais da 1º Split acabou por ter uma prestação um pouco aquém do que era esperado, tendo perdido por 2-0 contra a FTW quando eram os favoritos para ganhar. Agora com certeza que os AT vêm focados em acabar com esta “maldição” de não conseguirem chegar à final. Acredito que terão mais treino no novo patch que os k1ck devido ás mudanças pelas quais os k1ck estão a passar no momento. A adaptação a um patch tão grande como este é fulcral e na minha opinião que os AT são os favoritos para chegarem à final, mas não poderão subestimar qualquer das 2 equipas que passar a primeira série, porque ambas vão estar muito fortes.

BombNuker, os K1ck e toda a comunidade Portuguesa de LoL foram abalados pela recente notícia da futura transferência do jovem talentoso mid laner Xico, como é que este facto vai afetar a moral e a performance da equipa durante os Playoffs?

BombNuker: Como todos sabemos o foco da equipa dos K1ck além de ganhar todas as competições em que se os K1ck encontram inseridos é chegar à Challenger Series e quem sabe mais além. Penso que esta saída vai abalar imenso a equipa, porque os vai obrigar a uma reestruturação que não é fácil de fazer. Além disso, é de ter em conta que só mais recentemente se começa a notar um bom trabalho do Minitroupax como ADC. Neste momento o Truklax está também a fazer muito um jogo de tank, e a grande força da equipa dos k1ck acabava por cair sobre o Xico, que apesar de não ter o melhor KDA a equipa dependia muito dele para criar jogadas, criar vantagem na lane, dar snowball e para que o jogo explodisse a partir daí. Apesar de terem o Hackali como suplente, certamente que não terá treino suficiente com o resto da equipa e não sei até que ponto tem treinado desde a sua saída dos Exotic, portanto se os k1ck necessitarem de usar um suplente terão de lidar com um défice na mid lane. Caso o Xico jogue, a falta de treino com os K1ck também poderá afetar a equipa. A moral da equipa também poderá ser afetada dependendo da reação de cada um dos jogadores face à saída do Xico e estes fatores poderão ser explorados pelos oponentes.

Na vossa ilustre opinião, qual será o aspeto final da Bracket?

BombNuker: Penso que os resultados finais serão:

FTW 2 VS Doxa 0
AT 2 VS FTW 1
K1ck 3 VS 2 AT

RXis: Os Playoffs são bastante difíceis de prever, mas na minha opinião os resultados serão os seguintes:

FTW 2 VS Doxa 0
AT 2 VS FTW 1
K1ck 2 VS 3 AT

Muito obrigado a ambos pela vossa presença! A LPLOL regressa então no dia 20 ao vivo da Lisboa Games Week e caso não possam estar presentes para viverem todos os momentos ao vivo poderão acompanhar a stream em arena.rtp.pt!

Share this Post: